Professor Edvaldo inaugura comitê na capital e reúne lideranças

Eleger Renan Filho é a missão da juventude
fevereiro 20, 2017
Alagoas tem cinco estudantes na Olimpíada do Conhecimento
fevereiro 20, 2017
Exibir tudo

O feriado de Nossa Senhora dos  Prazeres foi intenso. Para os maceioenses católicos, o dia 27 de agosto é uma marca da fé sob a qual o fundador do Engenho Massayó, Capitão Apolinário Fernandes Padilha, no século XIX, rezou pedindo que não naufragasse o navio que avistara afundando na Enseada de Jaraguá. Ajoelhado a Nossa Senhora dos Prazeres, que devotava em Portugal, tornou a santa a padroeira do então povoado de Maceió.

Para outros, entretanto, é apenas um feriado no meio da semana, representando um dia de descanso para o trabalhador e para o estudante. Mas para os apoiadores da candidatura mais competente para a Assembléia Legislativa de Alagoas, do comunista Professor Edvaldo, ontem, esse dia foi de intensa mobilização.

Centenas de pessoas, vindas não apenas de Maceió e representando vários setores da sociedade alagoana, estiveram reunidas na noite de abertura oficial do comitê de campanha na capital do estado. Localizado na rua Santa Cruz, no bairro do Farol, a grande casa branca identificada pelas placas características do comitê, não comportava em seus cômodos os grandes apoiadores do Professor Edvaldo. As mesas foram dispostas na calçada e uma multidão se aglomerava na rua e na calçada do outro lado. Mesmo com o movimento escasso do transporte público, devido ao feriado, os ônibus passavam demonstrando muita curiosidade.

Mestre Benon, Jorge Calheiros, o maior cordelista das Alagoas, Eliezer Setton, Paulo Poeta, Chico de Assis, Geraldo Cardoso e a poetiza Terezinha Almeida trouxeram consigo a marca de que a candidatura do Professor Edvaldo representa a luta pela valorização e respeito à cultura tão rica no nosso estado.

Trazendo a competência política, nomes como Eduardo Bomfim e Marcelo Malta, militantes e dirigentes do PCdoB que fizeram história na câmara federal e na câmara municipal, respectivamente e Paulão, deputado federal candidato à reelição e Ronaldo Lessa e Aderval Tenório (vindo de Delmiro Gouveia onde foi aluno do Professor Edvaldo) candidatos a deputado federal usaram da palavra para expressar o apopio e a importância de eleger uma candidatura tão verdadeira como a do Professor Edvaldo.

Por último, falou o único candidato a deputado estadual pelo PCdoB, que expressou o orgulho de representar o partido nessa disputa para “trazer de volta a dignidade à Casa de Tavares Bastos”.

Vereador pelo terceiro mandato em Delmiro Gouveia, Professor Edvaldo lamentou com tristeza na voz o assassinato cruel de seu irmão mais novo, Edson Nascimento, que foi alvejado violentamente na porta de casa. Mesmo sem saber a quem acusar o crime, Edvaldo firmou seu compromisso de combater a violência no estado ao lado de Renan Filho.

Professor Edvaldo também ressaltou a importância de eleger a presidenta Dilma mais uma vez para dar continuidade à mudança no país.

Agradecimentos e retribuições, a festa seguiu com lanche e com os jingles de Professor Edvaldo e da majoritária.

 

Por Mariana Moura

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *